Campo Grande-MS 20.08.2017
Menos lixo em Fernando de Noronha
Sexta-Feira, 02.08.2013 às 19:48
Menos lixo em Fernando de Noronha
Pelo menos 70% do lixo do parque é de garrafas PET de água
Maria Luiza Campos – Boticário
Top Vitrine
Divulgação/Boticário
Baía do Sancho
Divulgação/Boticário
Visitante pode abastecer seus squeezes

Desde o início da ação, em abril, o consumo de água em garrafas de plástico caiu mais de 40%. Isso porque agora o visitante pode abastecer seus squeezes, evitando assim a geração de mais lixo.

 

Clique sobre as imagens para ampliá-las

 

“Até o início da campanha pelo menos 70% do lixo do parque é de garrafas PET de água, por isso essa redução é um grande resultado para apenas três meses de campanha”, explica Pablo Mórbis, gerente da Econoronha, concessionária do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão gestor da Unidade de Conservação.

 

A Econoronha disponibiliza desde o início da ação o abastecimento dos squeezes com água gelada nos Postos de Informação e Controle (PIC) do Golfinho Sancho e do Sueste.

 

Mórbis destaca que antes da iniciativa apenas um em cada 30 visitantes adquiria um squeeze, agora este número caiu para um em cada 12. “Esse é mais um serviço à disposição dos turistas e moradores, que têm se mostrado bastante engajados na ação, bem como estão satisfeitos com a qualidade da água oferecida”, ressalta.

 

A água ofertada é gelada e enriquecida com sais minerais. Aqueles visitantes que tiverem o interesse em comprar os squeezes personalizados do Parque ganharão dois abastecimentos gratuitos.

 

O custo do refil é relativo ao tamanho do squeeze (300ml a 700ml), variando de R$ 2,00 a R$ 3,00.

28 FEVEREIRO - QUI
APA Costa dos Corais
21 DEZEMBRO - SEX
Peixe-boi em Alagoas
04 MAIO - SEX
Veto ao Código Florestal
20 ABRIL - SEX
Ecologicamente correto
Busca Detalhada
Utilize a busca avançadas do site para encontrar o que deseja em termos de noticías.